Open/Close Menu Joseph El-mann
sinusite

Saber diferenciar as doenças pode poupar um sofrimento em meio ao que estamos vivendo.

A sinusite é uma inflamação da mucosa do nariz e seios nasais. A sinusite viral geralmente acompanha um resfriado, já a sinusite alérgica pode acompanhar quadros de alergias e a sinusite bacteriana é uma infecção secundária que ocorre devido ao aprisionamento de bactérias nos seios durante o curso de uma gripe, resfriado ou durante um processo alérgico. Vamos entender o que é a Sinusite, como é causada e o seu tratamento.

 

Presença de líquido nos seios da face

Normalmente quando a criança se encontra diante de um quadro viral (Gripe ou Resfriado) ou um quadro alérgico, a mucosa nasal e das cavidades dos seios paranasais produzem uma quantidade maior de líquido do que ocorre usualmente. Esta é a explicação do porquê ocorre a congestão e a coriza nasal.

Na grande maioria das vezes, o edema e a excessiva produção de líquido desaparecem espontaneamente ao final do resfriado ou do processo alérgico. Porém, se o edema não melhora, os orifícios e condutos de drenagem que permitem que os seios nasais normalmente drenem a secreção para região posterior do nariz e seja eliminada, ficam bloqueados evitando uma drenagem de líquido apropriada, podendo então manter as bactérias em seu interior, que vão se multiplicar causando uma infecção bacteriana secundária.

Explicando os Seios da Face e a Sinusite

Sinusite - Seios da Face

Sinusite – Seios da Face

Os maiores seios paranasais são os seios maxilares. Eles estão localizados no interior do osso maxilar, sendo normalmente segmentados por septos ósseos. Costumam aparecer como uma pequena canaleta no quarto mês de vida fetal. Após o nascimento, ainda são pequenos e limitados a porção medial do osso maxilar. Após a segunda dentição é o ponto máximo de crescimento, onde ocupam vasto espaço da maxila.

Seio Frontal
Só começam a se desenvolver após o segundo ano de vida, portanto não existem no nascimento. Estão localizados no osso frontal e tem seu desenvolvimento total por volta dos 10 anos.

Seio Esfenoidal
São pequenas evaginações das cavidades nasais ao nascimento, tornando-se mais visíveis após os dois anos de idade.

Seio Etmoidal
Os Seios Etmoidais são pequenas cavidades que formam uma espécie de labirinto. Eles já existem desde o nascimento, porém em tamanho diminuto até os dois anos de idade. A fase de maior desenvolvimento é entre seis e oito anos e o total por volta dos 10 anos, assim como o seio frontal.

Explicando a inflamação - Dr Joseph El-Mann

Explicando a inflamação – Dr Joseph El-Mann

 

É Resfriado ou Sinusite bacteriana?

    É muito difícil dizer se a doença é somente um resfriado viral ou se já se transformou em uma complicação – Sinusite bacteriana.

  • Geralmente Gripes e Resfriados tem as seguintes características:
  • Resfriados duram no máximo de 5 a 10 dias
  • Resfriados tipicamente se iniciam com uma coriza nasal clara e fluida. A partir do segundo dia é normal a secreção nasal se tornar espessa, amarelada ou esverdeada. Após alguns dias a coriza nasal novamente se torna clara e depois seca.
  • Resfriados apresentam tosse diurna que pioram no período noturno.
  • Se a febre está presente, geralmente é baixa e aparece nas primeiras 72h.
  • Sintomas de resfriado tem seu pico pior entre 3 e 5 dias, depois melhoram progressivamente durando normalmente mais 7 a 10 dias.

Sinais e sintomas que podem indicar que seu filho apresenta sinusite bacteriana

  • Quando os sintomas do resfriado (coriza nasal e tosse ) duram mais de 10 dias sem melhora.
  • Coriza nasal amarelada espessa associada a febre durante pelo menos 3 ou 4 dias consecutivos
  • Dor de cabeça severa atrás ou ao redor dos olhos que piora quando curva a cabeça
  • Edema e olheiras escuras em torno dos olhos, especialmente pela manhã
  •  Mau hálito persistente, associado a sintomas de resfriado (no entanto, isso poderia corresponder também em uma infecção de garganta ou um sinal de uma má higiene bucal).

Em casos muito raros, uma sinusite bacteriana pode espalhar para o olho ou o sistema nervoso central (cérebro).

Se seu filho apresenta os seguintes sintomas, contate o pediatra imediatamente:

Sinais e sintomas desconfortáveis

Sinais e sintomas desconfortáveis

  • Edema e/ou vermelhidão ao redor dos olhos, e não apenas na parte da manhã, mas durante todo o dia
  • Dor de cabeça e/ou dor na parte de trás do pescoço
  • Vômitos persistentes
  • Sensibilidade à luz
  • Aumento da irritabilidade

Deve-se levar em consideração que, na grande maioria das vezes, a sinusite aguda tem etiologia viral e está associada aos sintomas de resfriado comum.

A sinusite bacteriana é muito menos comum e representa somente 0,5 a 2% dos casos e, na maioria das vezes, ocorre como uma complicação do resfriado.

Sabendo que os antibióticos apresentam eficácia somente contra bactérias e não funcionam contra infecções de etiologia viral, a maioria das crianças com sinusite aguda não necessitarão do uso de antibióticos e seu uso incorreto pode por seu filho em risco, apresentando os efeitos colaterais do antibiótico utilizado e o risco aumentado de resistência bacteriana.

Diagnóstico da sinusite bacteriana

Como vimos é muito difícil dizer que seu filho apresenta uma sinusite bacteriana ou uma sinusite simplesmente decorrente de um quadro de resfriado comum, principalmente nos dias iniciais de doença. Seu pediatra, após examinar seu filho e saber da evolução dos sintomas quanto ao tempo e severidade, poderá ser capaz de diagnosticar se é ou não uma sinusite bacteriana.

Observe que em nenhum momento falamos em Radiografia dos Seios da Face para o diagnóstico de Sinusite Aguda. A realização deste exame, principalmente se realizado na fase aguda da doença, vai, obviamente, estar alterado. Não faz diferença se o diagnóstico é de sinusite bacteriana ou não. Radiografia de seios da face não é recomendada para o diagnóstico de sinusite aguda. (American Rhinologic Society (ARS))

Tratamento da Sinusite Aguda

O tratamento da sinusite aguda envolve alívio dos sintomas e pode ou não envolver o uso de antibióticos.

Caso seu pediatra faça o diagnóstico de sinusite bacteriana e prescreva o uso de antibiótico, após o terceiro dia de uso os sintomas devem começar a amenizar – Coriza nasal começa a clarear e a tosse a melhorar.

Mesmo que seu filho sinta-se melhor, é muito importante que você use o antibiótico pelo tempo prescrito pelo pediatra. A interrupção precoce do antibiótico pode fazer com que a infecção retorne e, ainda, causar resistência bacteriana.

Aliviando os sintomas

Dor de cabeça ou dor nos seios nasais: o uso de compressa morna na face varias vezes ao dia pode trazer algum alívio. Medicamentos para dor como Paracetamol, Dipirona ou Ibuprofeno podem ser utilizados.

Congestão nasal: Em caso de secreção nasal muito espessa, seu pediatra vai orientar o uso de soluções salinas nasais. O uso de solução salina varias vezes ao dia reduz a congestão nasal e a dor.

O uso de Esteroide nasal por 2-3 dias ajuda a reduzir o edema nasal e assim amenizar os sintomas na maioria das crianças.

A sinusite é causada pelo excesso de muco ou inchaço do revestimento dos seios da face e do nariz. O tamanho dos seios da face das crianças é relativamente pequeno comparado ao tamanho do óstio de drenagem, daí a retenção das secreções é dificultada.
No recém-nascido e no lactente estão formados os seios maxilares e etmoidais, onde pode ocorrer a Sinusite. Já nos pré-escolares, as sinusites maxilares são as mais comuns.

Rinossinusite em bebês e crianças

sinusite_infantil

Rinossinusite em bebês

Nos bebês e crianças – lactentes a partir de um ano de idade – as pequenas dimensões das cavidades ainda em desenvolvimento e o encurtamento da distância entre as superfícies mucosas e os óstios de drenagem atuam como facilitadores do desenvolvimento da Rinossinusite.

Outras causas também podem desencadear a Rinossinusite: deficiência de imunoglobulinas, transitória ou permanente, alterações muco ciliares, fibrose cística e os mais variados processos alérgicos.
Alguns estudos publicados avaliaram a relação entre a Asma e a Sinusite.

Sinais e sintomas desconfortáveis

Sinais e sintomas desconfortáveis

A conclusão é que a inflamação dos sinos nasais pode provocar piora nas doenças das vias aéreas. O tratamento da Sinusite em pacientes asmáticos acarreta melhora no quadro, embora ainda a natureza dessa relação gere discussão.

A Sinusite em crianças e sua incidência são bastante controversas, mas é certo e está comprovado que o processo inflamatório e infeccioso das cavidades paranasais pode ocorrer bem precocemente, logo que as cavidades estejam formadas, ou seja, antes do nascimento.

 

Em casos de Sinusite, existem alimentos que ajudam?

Sinusite - Alimentos anti-inflamatórios auxiliam na prevenção da Sinusite

Sinusite – Alimentos anti-inflamatórios auxiliam na prevenção da Sinusite

Ofereça alimentos ricos em betacaroteno, fonte de Vitamina A, que reforça o organismo no combate as doenças, como: Cenoura, abóbora, batata doce, etc.

Frutas cítricas possuem vitamina C, como laranja e acerola, que auxiliam para dissolver a secreção parada nos pulmões, entupindo os alvéolos, além de estimular a atividade de anticorpos e células do sistema imunológico.

A maçã é outra fruta super saudável, com ação antibacteriana, anti-inflamatória e adstringente, porém se a criança tem dificuldade em evacuar, é melhor manter uma dieta equilibrada e tentar variar o consumo.

Alimentos com alto teor de Zinco, poderoso defensor contra infecções e vírus, facilmente encontrado no abacate, banana, cogumelo, entre outros.

 Sinusite - Vitaminas que auxiliam na prevenção da Sinusite

Sinusite – Vitaminas que auxiliam na prevenção da Sinusite

Os temperos são aliados da boa saúde. No caso da Sinusite, tempere a comida com alho e cebola, poderosos anti-inflamatórios e antibacterianos. Apesar de o gengibre ter um sabor forte, ele atua limpando a secreção, por também possuir propriedades antibacterianas.

 

Para saber mais sobre Sinusite em crianças e vários outros assuntos, acompanhe nossa página no Facebook.

2015 © Copyright - Joseph El-Mann. Todos Direitos Reservados.