Open/Close Menu Joseph El-mann
tempo

Escrever neste espaço semanalmente nos motiva a buscar novidades e matérias que julgamos interessantes para serem compartilhadas. Quando vamos escrever por inspiração ou por solicitação, muitas vezes só pensamos em desmistificar tratamentos, falar sobre doenças ou alertar para as fases da criança, é verdade. Hoje seremos mais humanos e vamos te convidar a ser também.

Todo mundo precisa respeitar uma mãe que acabou de ter um bebê.
Todo mundo precisa respeitar os sentimentos de uma mãe que acabou de ter um bebê.
Todo mundo precisa respeitar o cansaço, a forma de falar, de ouvir, de chorar, de olhar o corpo no espelho, de uma mãe que acabou de ter um bebê.
É só sinal de respeito como qualquer outro, para qualquer outra fase da vida.

Aqui estamos falando de uma puérpera. De uma mãe que não quer dar maiores explicações e muito menos ouvir questionamentos, palpites ou “comigo foi assim”.

Deixe-a dançar conforme a música. No balanço, no compasso, na nota da sinfonia que ela mesma compôs para viver aquele momento. Não ouse querer ser maestro quando seu lugar é de platéia, aplaudindo e compartilhando esse momento único. Só dela.

Esteja presente. Fique por perto. Ofereça o que puder, mas também se prepare para dar um tempo. Sabe… é que às vezes tudo o que se quer é um tempo para ouvir o que vem de dentro. São muitas emoções querendo transbordar. Seja paciente.

Por quanto tempo? Pelo tempo necessário. O tempo vai passar e os dias ficarão mais fáceis. A rotina vai começar a funcionar. Pode até parecer demorado demais, mas não tenha pressa. Não queira acelerar o processo natural da aceitação e da dor na busca pelo equilíbrio entre o físico e o emocional do rompimento do cordão umbilical.

Você pode tornar os dias menos pesados. Tenha empatia e queira o bem-estar dessa mulher que passou e ainda vai passar por turbilhões de emoções e sentimentos em questão de segundos, que vai suportar o desconforto de uma cadeira e, sem perceber, adormecer tamanho o seu cansaço.

Ela vai superar cada etapa.

Ela vai continuar dançando, mas agora no embalo, no transe e no movimento ritmado da vida.

Ela é leoa, é guerreira e é mais forte do que aparenta.

Seja gentil.

2015 © Copyright - Joseph El-Mann. Todos Direitos Reservados.