Open/Close Menu Joseph El-mann
Assadura - Como aliviar e prevenir

Assadura é uma irritação da pele muito comum.
Pais, não se sintam culpados por isso!


Rugas, vermelhidão e secura são algumas condições da pele do recém-nascido, tornando-a extremamente sensível e, geralmente, não significa que algo está errado. A pele do bebê está se ajustando a vida fora do útero.

Assadura no bebê

Assadura é qualquer erupção (rash), que pode ocorrer na virilha, nas dobrinhas das coxas e nádegas. Nos casos leves, a pele pode ficar apenas avermelhada. Nos casos mais severos, além da vermelhidão na pele pode aparecer feridas abertas e dolorosas. Casos leves usualmente melhoram em 3 a 4 dias de tratamento.

A maioria dos bebês e crianças apresenta algum episódio de assadura durante a infância, geralmente durante os 3 primeiros anos de vida e entre 9-12 meses. Este período é quando o bebê ainda fica sentado à maior parte do tempo, comendo alimentos sólidos, que podem mudar a acidez dos movimentos intestinais.

Embora existam várias causas para assadura, a irritação por contato é a mais comum, podendo acometer também indivíduos adultos.

Causas de assadura
Normalmente, a assadura é o resultado de uma irritação, infecção ou alergia.

Muita umidade
Atrito ou fricção
Quando urina, fezes ou ambos ficam em contato com a pele por períodos longos.
Infecção fúngica
Infecção bacteriana

Assadura - Intensidade da assadura em bebês e crianças

Irritação: A pele de um bebê pode ficar irritada quando uma fralda é deixada suja por muito tempo. O cocô ou xixi ou ambos (ou o próprio tecido) entram em atrito com a pele repetidamente.

Infecção: A urina (xixi) altera os níveis de pH da pele e permite que as bactérias e os fungos cresçam mais facilmente. As substâncias que impedem as fraldas de vazarem também impedem a circulação de ar, criando um ambiente quente e úmido, propício para bactérias e fungos.

Alergias: Bebês com pele sensível também podem desenvolver erupções cutâneas. Certos tipos de detergentes, sabonetes, fraldas (ou corantes de fraldas) e lenços umedecidos podem afetar a pele, causando uma assadura.

Além disso, a partir introdução de novos alimentos há alteração de conteúdo e frequência das fezes de um bebê, que por vezes pode levar a uma assadura. A diarreia pode fazer ficar pior um caso existente de assadura.

Erupção de fralda que dura mais do que alguns dias, mesmo com alterações na rotina de fraldas, pode ser causada por um fungo chamado Cândida albicans. Esta forma de erupção é geralmente vermelha, ligeiramente levantada e tem pequenos pontos vermelhos que se estendem para além da parte principal da assadura.

Prevenção
Para evitar assaduras, você deve manter a pele do seu bebê o mais seca e limpa possível e trocar a fralda muitas vezes, de modo que o coco e o xixi não irritem a pele.

Tente estas dicas:
Mudar fraldas sujas ou molhadas do seu bebê o mais rapidamente possível e limpar a área completamente. Ocasionalmente, se for possível, lavar o bumbum da criança e deixar secar naturalmente.
Secar a pele suavemente com um pano macio. Esfregar demais pode irritar a pele.
Colocar a fralda um pouco mais frouxa para evitar atrito.
Aplicar um creme ou pomada indicada pelo seu pediatra a cada mudança de fralda. Isso pode ajudar alguns bebês com pele sensível, mas nem todos os bebês precisam fazer uso de pomadas.
Se você usar fraldas de pano, verificar as instruções do fabricante sobre a melhor forma de limpá-los. Utilize apenas sabões neutros na quantidade recomendada e programe um ciclo de enxágue extra após a lavagem para remover vestígios de sabão ou detergente que podem irritar a pele do seu bebê. Evitar o uso de amaciantes – mesmo estes podem irritar a pele.

Alguns bebês podem ter assadura após a mudança para um novo tipo de fralda. Embora os especialistas não recomendem qualquer marca particular, se o seu filho for sensível, você pode olhar para fraldas livres de corantes ou fragrâncias. Alguns bebês são sensíveis a lenços umedecidos. Água e um pano limpo e macio pode ser uma opção mais interessante neste caso.

Tratamento
Conforme já falamos, para ajudar a prevenir a assadura, nada melhor do que manter a atenção na fralda para saber se está suja ou molhada, além de limpar bem a cada troca.

Assadura - É muito importante trocar a fralda várias vezes ao dia

Alguns especialistas sugerem deixar o bebê sem fraldas durante algumas horas por dia para dar a pele irritada uma chance para secar e “respirar”. Isso será mais fácil se você puser o seu bebê em um berço com lençóis impermeáveis ou em uma grande toalha no chão.

A assadura geralmente desaparece dentro de 3 a 4 dias com cuidados em casa, embora possa durar mais tempo.

Quando você deve falar com o pediatra?
Se a assadura persistir, ficar pior ou se feridas e bolhas aparecem na pele do seu bebê.

Dependendo do tipo de assadura, o seu pediatra poderá optar por usar um creme antifúngico ou um creme antibiótico, ou pode recomendar outras alterações a sua rotina de troca de fraldas.

Agende uma consulta com o Dr. Joseph El-Mann caso necessite de ajuda para cuidar da assadura do seu bebê.

Chefiada pela doutor Joseph El-mann, graduado em Medicina pela Universidade Federal Fluminense (UFF), a clínica especializada em pediatria e neonatologia, Joseph El-mann, oferece diversos serviços ligados à pediatria e neonatologia. Entre em contato e agende sua consulta.

CategoryPediatria, Saúde

2020 © Copyright - Joseph El-Mann. Todos Direitos Reservados.

Agende sua consulta
Agende sua consulta
Agende sua consulta